Sobre

A Tété é uma empresa nacional de lacticínios que, desde a sua fundação, há mais de cinquenta anos, sempre soube colocar no processo de produção dos seus produtos as medidas exactas de tradição e inovação.

Cronologia

A história ao longo dos anos


1960
Pela mão da primeira geração, a família Amaro inicia a produção de queijos frescos. Uma produção pequena e tradicional, inicialmente para fazer escoar o leite da sua pequena exploração de vacas leiteiras.

1976
Os conhecimentos até aí adquiridos são passados à segunda geração da família.

1985
Nunca colocando de lado as características tradicionais dos seus produtos, a Tété inicia uma produção mais industrializada, diversificando, também por essa via, a oferta de queijos.

1998
Inicia a produção de requeijão e de queijos curados. Com um investimento superior a dois milhões de euros, a Tété inaugura as suas actuais instalações, dotadas de um laboratório, para garantir um acompanhamento contínuo e mais rigoroso ao processo de fabrico; e de uma E.T.A.R., visando a diminuição do impacto ambiental provocado pela produção de lacticínios.

É ainda reservada uma parcela de terreno, contíguo à unidade de produção, para a plantação de árvores e de uma área ajardinada.

2002
Introduz o requeijão com alho e ervas aromáticas; o requeijão com doce de abóbora; e o requeijão de mistura de vaca e ovelha.

2008
Inicia a produção de queijo fresco de cabra.

2010
A empresa passa a ser administrada pela terceira geração da família Amaro.

2013
Inicia a produção de manteigas de cabra, ovelha e vaca, e de queijo fresco de ovelha.

Sobre