Notícias

Rebranding

Cristina Amaro, directora Comercial da Tété, foi entrevistada pela revista Hipersuper, no seguimento do rebranding das embalagens e da criação da figura do Representante.
 
Ler entrevista >

Rebranding

A Tété, empresa nacional de lacticínios, apresenta uma nova imagem que tem como objectivo fulcral a valorização da marca e, consequentemente, dos produtos que a empresa produz. Este lançamento faz parte de um longo processo de rebranding que a empresa iniciou em 2012, com a ABSA Creative Solutions, e que, incluindo todas as rubricas abrangidas pelo projecto, soma já um investimento total superior a 500 mil euros.
 
«A nova imagem para os produtos Tété é baseada em premissas muito simples: uma comunicação actual mas que consegue transmitir o que de melhor tem a tradição da região saloia, com o desafio maior dos nossos clientes continuarem a identificar, facilmente, os nossos produtos», afirma João Amaro, director-geral da Tété.
 
«Pretendemos, com esta nova imagem, introduzir valor e modernidade à marca. A nossa gama de produtos evidencia a longa experiência, de mais de 50 anos, com que a Tété conta, e queremos demonstrá-lo com embalagens e rótulos com um design elegante», reforça o mesmo responsável. E acrescenta que «para tal, criámos o nosso próprio banco de imagens, tendo em conta os nossos objectivos e mensagens a transmitir. Foi um trabalho conjunto entre a Tété os designers que nos têm acompanhado em todo este processo».
 
Desde que começou o processo de rebranding, a Tété investiu, ainda, na área do embalamento, com a substituição e aquisição de novas linhas para responder, de uma forma mais adequada e eficiente, àquela que é a imagem que pretende comunicar.
 
O objectivo deste rebranding, de resto, em consonância com a restante estratégia da empresa, redefinida em 2010, quando a Tété começou a ser administrada pela terceira geração da família, passa pela valorização da marca e, consequentemente, dos produtos que a empresa produz. A qualidade excelente destes não encontrava, até agora, o seu equivalente no packaging, que, de uma forma geral, era muito semelhante ao utilizado pela concorrência.
 
Para complementar todo este trabalho a empresa apostou, ainda, nas plataformas digitais, tendo entregado à Terceira Margem Comunicação a responsabilidade de renovar a página da Internet onde, para além de várias informações, é ainda possível comprar produtos; e a criação de uma aplicação para smart phones onde é possível, através da leitura de um QR code, aceder a informação útil e actualizada. «Este passo reflecte a estratégia organizacional da Tété em ser uma empresa comunicativa, que continuará a interagir com os consumidores, procurando estar sempre à altura das suas expectativas, sem nunca perder a sua matriz principal: ter produtos de valor acrescentado, que continuam a ser produzidos de uma forma tradicional», refere João Amaro.
 
Notícias relacionadas:
- Alivetaste >
- Briefing >
- Distribuição Hoje >
- Do Restaurante & Do Gourmet >
- Hipersuper >
- Imagens de Marca >
- InnfoRest >
- Meios & Publicidade >
- Revista dos Vinhos >

Entrevista a João Amaro, no Vida Económica

A Tété esteve presente na edição de 2014, do certame London Annual Tasting, organizado pela Wines of Portugal. Esta iniciativa, criada para promover os vinhos portugueses junto do mercado britânico, acolheu também, pela primeira vez, este ano, doze produtores de queijos portugueses.
 
Fotografias do evento no nosso Pinterest >

Entrevista a João Amaro, no Vida Económica

A Tété é, segundo a Meios & Publicidade, uma de doze marcas portuguesas a ter em atenção: «A Tété decidiu inspirar-se na tradição saloia de produção de lacticínios, lançando no ano passado uma linha de manteigas tradicionais nas variedades vaca, cabra e ovelha. O pack de três variedades de 20 gramas ronda os 2,50 euros. A empresa de produtos lácteos (queijo fresco, queijo curado, requeijão e manteigas tradicionais), no mercado desde 1960, está agora a apostar na exportação (Espanha e Polónia) e no lançamento de novos produtos que ajudem a atingir esse objectivo. As manteigas Tété, que tiveram imagem do Packaging a cargo da ABSA, podem ser encontradas no comércio tradicional, em supermercados e na hotelaria.»
 
Ler artigo >

Entrevista a João Amaro, no Vida Económica

João Amaro foi entrevistado para o jornal Vida Económica, onde falou, maioritariamente, sobre a posição da Tété no que diz respeito às suas exportações.
 
Ler entrevista >

Entrevista a João Amaro, na Hipersuper

João Amaro, director-geral da Tété, foi entrevistado pela revista Hipersuper, a propósito da elaboração de um suplemento especial dedicado ao queijo. Nesta entrevista foram abordados assuntos muito prementes para a Tété, como a inauguração da nova linha de embalamento e os desafios para o futuro.
 
Ler entrevista: Página 6 | Página 7

Rebranding faz manchetes

O rebranding que a Tété tem levado a cabo, e do qual esta página é, para já, uma das faces mais visíveis, tem sido notícia nos principais órgãos de comunicação social dos sectores alimentar e de comunicação de marcas, nomeadamente, o Meios & Publicidade, a HiperSuper e a InnfoRest.
 
«A Tété destaca-se, não só pela qualidade dos seus produtos, mas também pelo seu dinamismo e capacidade de inovação, num mercado ainda bastante tradicional e pouco permeável a mudanças. E, nesse sentido, esta é mais uma etapa no reforço e consolidação da marca no mercado, espelhando muito bem a preocupação constante da empresa em prosseguir com a sua aposta na investigação, desenvolvimento e diferenciação.» (In InnfoRest)

 Queijo fresco de ovelha vence!

O nosso queijo fresco de ovelha foi o grande vencedor da sua categoria, no concurso «Queijos de Portugal», organizado pela ANIL em colaboração com a FullSense.
A Tété viu ainda distinguidos, com menções honrosas, os produtos queijo fresco de cabra, requeijão de vaca e requeijão de mistura.

Alimentaria & Horexpo Lisboa 2013

Visite-nos no certame Alimentaria&Horexpo Lisboa 2013, que irá ocorrer entre os próximos dias 14 e 17 de Abril, na F.I.L.
«A Alimentaria & Horexpo Lisboa posiciona-se, estrategicamente, como uma plataforma de negócios entre Europa, África e América do Sul. Para além de cobrir todo o mercado português, é ainda uma ponte natural para o comércio da indústria alimentar para os países de influência portuguesa - Brasil, Angola, Cabo Verde, Moçambique - totalizando mais de 200 milhões de potenciais consumidores.» (Organização)

Melhor Queijo 2012

A Tété recebeu três menções honrosas, nas categorias «Queijo fresco de vaca», «Queijo fresco de cabra» e «Requeijão de vaca», no concurso «Melhor Queijo 2012», organizado pela ANIL, que decorreu nos passados dias 20 e 21 de Setembro, em Aveiro.

João Amaro, director-geral da Tété, foi entrevistado no programa da RTP1 «Portugal no Coração».